Intuitus Crypto

Cold Wallet vs Hot Wallet

O Bitcoin é armazenado em uma carteira digital, que pode ser baseada em hardware (Cold Wallet) ou em software (Hot Wallet).  Cada carteira tem um par de chaves: uma chave pública, que é como um endereço de e-mail, e uma chave privada, que é como uma senha. Para enviar bitcoins, você precisa da chave pública do destinatário. Para receber ou acessar seus bitcoins, você precisa de sua chave privada.

Na carteira baseada em hardware as chaves não estão armazenadas sem local com conexão constante com a internet, por exemplo uma carteira da Trezor ou da Ledger. No caso da carteira de software, suas chaves estão armazenadas em um ambiente com conexão à internet inclusive algumas carteiras baseadas em software funcionam diretamente no seu navegador como por exemplo a Metamask.

Em termos práticos, uma carteira baseada em hardware é mais segura pois um hacker tem muito menos chance de ganhar acesso a sua chave privada uma vez que não há conexão constante com a internet se comparar com uma carteira de software. Por outro lado, se você venha a perder sua chave privada ou a palavra-chave que dá acesso a sua chave privada você perdera acesso a sua carteira e não há forma de recuperá-la (você perde o acesso a suas moedas!). Esse fato faz com que muitas pessoas prefiram armazenar suas criptomoedas em corretoras centralizadas (CEX) que ao se cadastrar criar uma wallet em seu nome e fazem a gestão das suas chaves. Tenha em mente que nesse caso a corretora possui a custódia da sua chave e, portanto, pode enviar as suas moedas por você. Há casos amplamente debatidos na comunidade Crypto (Exmplo: Falência da Corretora FTX) que abordam esse tema, inclusive uma frase comumente usada: “Not your Keys, Not your coins” que significa que se você não tem custodia sobre suas chaves as moedas ao pertencem a você.

Abaixo alguns exemplos de carteiras:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

plugins premium WordPress